SÉRIE: Os Vampiros de Morganville #1.
 EDITORA: Underworld.
 ANO: 2010.
 PÁGINAS: 288.

 SINOPSE:
Bem – vindo a Morganville, Texas. Apenas não fique fora após o escuro. A estudante do primeiro ano da faculdade Claire Danvers já teve o suficiente da sua situação de pesadelo no seu dormitório, onde as meninas populares nunca a deixam esquecer exatamente que lugar ela ocupa na cena social da escola: algum lugar abaixo de zero. Quando Claire vai pra fora do campus, a imponente casa antiga que ela encontra um quarto pode não ser muito melhor. Seus novos colegas de quarto não mostram muitos sinais de vida. Mas eles vão proteger Claire quando os segredos mais profundos da cidade virem a tona, famintos por sangue fresco.



Esse livro estava na minha lista de desejados a um bom tempo e mês passado finalmente decidi compra-lo! Mesmo nem tendo o lido ainda, comprei a continuação também porque tinha certeza de que iria gostar.

Logo no início do livro nós conhecemos Clare, uma nerd de 16 anos que conseguiu entrar na faculdade um ano antes de todos. A garota sofre muito nas mãos das garotas populares e cruéis da universidade e, depois de ser atirada escada abaixo e ameaçada, precisa encontrar as pressas um lugar novo para morar. E é aí que ela encontra a antiga e misteriosa Casa Glass.

O impacto que a Rachel causa com os personagens é bom, porque logo no início já odiamos Mônica e suas seguidoras, e nos sentimos familiarizados com Eve e os outros dois moradores da Casa Glass. Se houve algo que eu gostei nesse livro, foi dos personagens.

Eu pensei que encontraria um clima sombrio, com personagens misteriosos e uma trama eletrizante, mas o que encontrei foi uma tremenda bagunça. A autora insere na trama vários mistérios e não te explica nada e, quando você já está bem confuso e desnorteado, ela te explica alguma coisa só para que você possa aguentar mais uma dose de porquês sem fechar o livro. Os vampiros, nesse caso, são meramente vilões e nós não conhecemos muitos deles. Na realidade nem os próprios personagens parecem reconhecê-los direito.

Claire toda vida está sendo perseguida por alguém, isso quando não é perseguida por vários ao mesmo tempo e, mesmo com tanta gente desejando matá-la, ela consegue se colocar em risco e por algum motivo sempre sair viva. Sempre se arriscando sem motivos e colocando os outros em problema. Não sei nem se comento a respeito do romance, porque nada de bom acontece nesse sentido.

O livro é bonito, embora seja bem visível que é uma publicação um tanto antiga da Editora Underworld, pois a continuação saiu em um livro bem mais detalhado e elaborado. Apesar disso o livro é bonito, a capa é atraente e a fonte também é bacana. Mas encontrei alguns erros gramaticais daqueles que te fazem bufar.

Enfim, esperava muito mais desse livro após ter lido algumas resenhas tão favoráveis. Mas a verdade é que a trama só foi me atrair já nos últimos capítulos e, já que estava muito bom pra ser verdade, a autora joga uma bomba no final do tipo “continua”. Nota 3 para o livro, só por causa da Eve e do Shane!

Não gostei, definitivamente. Mas eu já terminei a leitura de Dança das Garotas Mortas e logo que eu postar resenha aqui vocês vão ver como mudei de opinião! Estou lendo Belo Desastre pra trazer resenha pra vocês semana que vem *-* 
xoxo

0 comentários:

O BLOG


Somos a Andressa e a Amanda (Táta) e estamos procurando deixar os bookaholics assim como nós cada vez mais por dentro do universo literário através de novidades e resenhas!

Followers

FOLLOW BY E-MAIL

ANDRESSA ESTÁ LENDO

TÁTA ESTÁ LENDO

LINK-ME


PARCEIROS

ARQUIVO

Tecnologia do Blogger.
.
.